Como minerar Ethereum - Passo a passo para iniciantes


[Atualização em 20/09/18] - desde que escrevi esse post pela primeira vez a Ethereum ocupa o 2° lugar no ranking de capitalização de mercado, segundo a CoinMarketCap. É sem dúvidas uma moeda muito atrativa e cheia de tecnologia e por isso, a mineração de Ethereum tem crescido cada vez mais. Então segue o post atualizado para vocês sobre como minerar Ethereum.

Com a popularização das criptomoedas, muitas pessoas começaram a procurar formas de lucrar com a tecnologia (que se usada de forma correta, dá bons lucros mesmo!). Um jeito interessante de conseguir moedas virtuais é através da mineração e como eu disse anteriormente, a mineração de Ethereum está crescendo todos os dias. Isso aumenta a vontade de se juntar aos mineradores da moeda, da mesma forma que aumenta a dificuldade em conseguir recompensas.

“Como assim, Pedro, diminuir recompensas?”. É uma equação bem simples: quanto mais gente minerando, mais moedas surgem, do mesmo jeito que são mais pessoas para dividir o prêmio! Minerar é relativamente fácil, ganhar criptomoedas o suficiente para ter lucros, não.

O que você precisa saber antes de começar a minerar Ethereum

Primeiro de tudo, é preciso ter conhecimento básico sobre alguns termos, por isso, sugiro a leitura abaixo:

Agora, vamos para outros pontos a se observar. Primeiro de tudo: você quer fazer mineração com sua CPU convencional e ainda poder utilizar o computador enquanto minera? Então não minere, ou procure uma criptomoeda mais simples e fácil de minerar, com pouca exigência computacional e concorrência. Não me entenda mal… na verdade você até pode minerar por CPU, mas o computador vai ficar travando muito, então você não conseguirá utilizá-lo paralelamente. A máquina também exigirá bastante da sua energia elétrica, então se prepare para a conta no final do mês. Além de tudo isso, existem fazendas de mineração de Ethereum, que são imensos galpões com super computadores dedicados apenas para mineração, ficando bem difícil concorrer com eles.

“Então o que eu faço, Pedro?”. Você pode começar na CPU só pra brincar e aprender. Mas se você quiser ser um minerador mesmo, será preciso investir em equipamentos. Mineradores iniciantes conseguem bastante informação nos posts abaixo, referentes aos hardwares:

Como minerar Ethereum

Então vamos lá. Para minerar Ethereum você precisará de 6 coisas:

  1. Equipamentos, conforme descritos nos posts recomendados;

  2. Conhecimento básico em informática;

  3. Um endereço de carteira ETH;

  4. Uma pool de mineração - veja aqui o que é uma pool de mineração;

  5. Um software de mineração;

  6. Configuração.

Carteira

A carteira é a parte mais fácil. Você precisa ter um endereço onde receber as moedas que vai minerar, certo? Então você deverá criar uma wallet que suporte a moeda ETH. Se você não sabe o que é uma wallet, fique tranquilo, está tudo explicado aqui:

Para Ethereum, eu gosto bastante da MyEtherWallet e da Coinomi. Clique nos links para ver um tutorial e passo a passo completo sobre como criar seu endereço.

Pool de mineração

“Por que usar uma pool de mineração?”. Porque é mais fácil! Mais fácil de conseguir suas recompensas e mais fácil de configurar o mineiro. Se você não leu “O que é e pra quer serve uma pool de mineração”, leia agora e você vai entender tudo! No nosso passo a passo, usaremos a pool Ethermine.

1. Acesse o site da Ethermine;

2. Na página inicial, você verá alguns dados sobre a pool;

3. O que nos importa mesmo são as instruções mais abaixo na página. Vá até “2. Choose your mining software”. Você deverá escolher a aba correspondente ao maquinário que você tem:

  • Windows, com GPU AMD;

  • Windows, com GPU NVIDIA;

  • Linux, com GPU AMD;

  • Linux, com GPU NVIDIA.

Fique atento nisso! Não tente rodar o software de Windows no Linux e vice-versa, tampouco confundir as placas de vídeo. O mineiro pode até rodar, mas não será eficiente.

4. Escolha o software que você deseja usar. No nosso tutorial, usaremos o Claymore Miner. Veja que abaixo da opção do Claymore, tem um link para download no Bitcointalk. Minha sugestão é que você baixe diretamente de lá, pois em outras fontes, é provável que o software venha carregado com vírus, Malwares e etc. Então vai lá e clique no link do Bitcointalk;

5. Na página do Bitcointalk, veja que há dois caminhos para download: através do Google e do Mega (ambos são serviços de armazenamento online. Se você não conhece o Mega, fique tranquilo que é tão simples quanto o Google). A minha recomendação é que você baixe através do Mega, pois às vezes, a Google reconhece o arquivo “.bat” (já explico sobre) como um tipo de documento mal intencionado, bloqueando o download. Então pelo Mega é mais certo que você conseguirá baixar o programa.

6. Quando a pasta do Mega abrir, não se assuste: haverá diversos arquivos. “Ai meu Deus, Pedro, qual que eu baixo? SOCORRO!”. Esse monte de arquivo ai é de cada versão do software de mineração. Procure a versão mais recente (enquanto escrevo esse artigo, é a versão “v11.9”). Lembre-se que você tem que baixar o software certo para seu sistema operacional (Windows ou Linux) e para a GPU certa (AMD ou NVIDIA). Então se você estiver com um Windows e placa gráfica NVIDIA, baixe o programa correspondente.

7. Depois de baixado, você vai precisar descompactar a pasta e procurar um arquivo chamado “Startme.bat” (aqui que entra o tal do .bat). Clique com o botão direito sobre ele e então em “editar”;

8. Você vai precisar alterar apenas três campos neste texto que aparece, para configurar seu mineiro. Esses campos estão destacados na abaixo.

EthDcrMiner64.exe -epool eu1.ethermine.org:4444 -ewal 0xD69af2A796A737A103F12d2f0BCC563a13900E6F -epsw x -dpool stratum+tcp://dcr.suprnova.cc:3252 -dwal Redhex.my -dpsw x

Em azul: você tem que conectar em algum servidor, que pode ser região da Ásia, dos EUA ou Europa. Você consegue essa informação no EthMiner, em “How to Connect”. Você pode trocar entre eles sempre que quiser, basta alterar no “startme.bat”. Talvez você precise fazer essa troca caso sua mineração esteja lenta, ou com ping (interferência em sua Internet), muito alto. Servidores:

  • Ásia: asia1.ethpool.org

  • EUA: us1.ethpool.org

  • Europa: eu1.ethpool.org

Em verde: trocar por “3333”, conforme informação do “How to connect”;

Em amarelo: substituir pelo seu endereço de carteira de Ethereum. Atenção, pois suas recompensas mineradas serão todas enviadas para esta carteira, então certifique-se de colocar o código correto.

Em vermelho: colocar o nome da sua rig, que pode ser o que você quiser. Então o software configurado é para ficar mais ou menos assim:

EthDcrMiner64.exe -epool eu1.ethermine.org:3333 -ewal

endereço da sua carteira ETH -epsw x -dpool

stratum+tcp://dcr.suprnova.cc:3252 -dwal AprendersobreBitcoin.my -dpsw x

9. E para finalizar, é só salvar as alterações e executar o arquivo que editou. O minerio vai começar a rodar e as recompensas irão para sua carteira Ethereum!

Como verificar o status da minha mineração?

No canto superior do site da EtherMine tem um campo de busca de endereço. Você deve colocar o endereço da sua carteira lá e pesquisar. Todos os dados referente a sua mineração serão exibidos nesta tela. É um local onde você pode fazer mais configurações também, inclusive, definir a quantidade de moeda que você precisa juntar para ser transferido para sua carteira.

Atualizações do software de mineração

Se você estiver com algum problema na sua mineração, ou seu desempenho está abaixo do esperado, uma atualização do software pode ser útil. Lá no Bitcointalk, sempre é publicado o link para download de novas versões à medida que vão sendo lançadas.

A minha dica para vocês é a seguinte: se você não está com nenhum problema na sua mineração e se está satisfeito com os resultados, não precisa atualizar o programa só porque tem uma versão nova. Às vezes, o software é atualizado só para colocar uma ferramenta nova de gerenciamento ou uma opção a mais de personalização de layout, cores e etc. Coisas que você não vai usar ou não precisa. Ficar atualizando sempre, pode até afetar sua mineração, então uma vez que você está feliz com sua mineradora, case-se com ela! ;)

E se você tiver alguma dúvida, é só me procurar lá no Grupo do Telegram, onde estamos sempre debatendo sobre todos os assuntos relacionados ao universo cripto! Junte-se a nós clicando aqui! ;)

#mineração #Ethereum #wallet

0 visualização