Análise técnica para iniciantes: o que são os números de Fibonacci e o qual sua relação com o tradin


Leonardo Fibonacci. Tenho quase certeza que você já ouviu esse nome ou leu sobre ele na escola. Mas se você não faz a mínima ideia de quem esse cara foi, fica tranquilo que vou dar uma recapitulada aqui neste artigo, além de te falar que sequência numérica ele descreveu!

Lá na Idade Média, mais precisamente em 1170, nasceu na Itália um rapaz muito interessante que hoje conhecemos como Leonardo Fibonacci. Ele se tornou um dos maiores matemáticos da Europa, contribuindo lá naquela época para coisas que usamos até hoje e que acredito que serão usadas ainda por milênios, que é o caso dos números de Fibonacci.

A sequência numérica chamada “Fibonacci” foi ele quem descreveu (óbvio né, o negócio tem o nome dele!) e veja só, quase 900 anos depois, estamos usando sua sequência para algo que está transformando e trazendo o futuro: as criptomoedas. Vale dizer que não foi ele quem desenvolveu essa sequência, pois ela já havia sido descoberta num tempo ainda mais antigo, mas ele a descreveu em uma pesquisa sobre o crescimento da população de coelhos - aparentemente, a natureza gosta bastante desses números. Esta sequência é assim: começamos pelo número 1. O próximo número, é a soma dos dois números anteriores. Então fica assim:

1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34, 55… até o infinito e além.

Quando falo que a natureza curte bastante Fibonacci, é devido à presença desses números em coisas biológicas, como:

  • Aquela espiral na ponta da folha de uma bromélia;

  • A concha dos caracóis;

  • Na dentição humana;

  • Reprodução de abelhas, coelhos e diversos outros animais;

  • No arranjo das folhas em um galho; etc.

O que são os índices de Fibonacci na análise de preço?

Essa sequência tem muitas propriedades bem interessantes que podemos usar para calcular pontos de resistência e suporte nos preços das moedas. Por exemplo: se você pegar um número de Fibonacci e dividir por seu anterior, o resultado sempre será bem próximo de 1,618. E se você fizer o contrário, ou seja, dividir um número por seu sucessor, então a divisão será sempre próxima a 0,618. Isso é a conhecida razão de ouro, média dourada ou razão dourada. E este é um dos principais índices de Fibonacci na análise técnica de um gráfico. Guarde esse número! 61,8%.

Os outros índices de Fibonacci são: 23,6%, 38,2%.

  • 23,6% - Este número é obtido quando dividimos um número da sequência por outro número três lugares à frente. Por exemplo: 13/55 = 0,2364 = 23,6% | 3/13 = 0,2307 = 23,1%;

  • 38,2% - Já este índice vem da divisão de um número de Fibonacci por outro que esteja dois lugares para frente. Por exemplo: 5/13 = 0,3846 = 38,5% | 21/55 = 0,3818 = 38,2%;

  • 50% - Não vou mentir: este número não é de Fibonacci. Mas a gente usa esse índice porque nos revela uma tendência. Acontece que quando um ativo tem seu preço reduzido até a metade, existe uma tendência gigantesca de ele continuar em uma determinada direção, que pode ser para cima ou para baixo, dependendo de todo o histórico que está sendo analisado. O preço pode tanto continuar caindo pra baixo da linha dos 50%, quanto subir to the moon, conforme dei o exemplo no artigo: Análise técnica para iniciantes: conhecendo o gráfico de velas. Ah! E se você não sabe o que significa to the moon, confira meu criptoglossário.

  • 100% - É o ponto mais baixo da tendência, pois significa a retração de 100% do valor do ativo que está sendo analisado, mas este também não é uma relação de Fibonacci e sim um índice que é analisado com os da sequência.

Como utilizar a retração de Fibonacci na análise técnica de criptomoedas?

“Tá, Pedro! Muito legal, mas o que eu faço com esse monte de número?”.

Querido leitor, você vai usar esses índices para a retração dos preços, ou seja, quando eles abaixam. Então, precisamos ir lá no gráfico e pegar pontos extremos, que é aquele pico maior de alta e um de queda. Depois, é só ir dividindo a distância (verticalmente) entre esses preços, pelos índices que mencionamos acima.

Após encontrar esses pontos no gráfico, algumas linhas são adicionadas, para ficar mais fácil a visualização de quando o valor da cripto atingir os pontos de suporte e queda. Veja abaixo um gráfico com os níveis de Fibonacci desenhados.

Como os preços sobem e descem segundo os números de Fibonacci?

Olha, vou pôr um exemplo para facilitar, ok? Lembrando que é só um exemplo e nem todo gráfico, criptomoeda ou tendência atuam da mesma forma! Esse post é para dar uma noção a vocês de como fazemos a análise técnica dos preços das criptomoedas. Inclusive, é uma das coisas que costumo fazer lá no meu serviço de trading do clube To The Moon e já que estou falando dele, vou relembrá-los de que abri por tempo indeterminado este serviço gratuitamente, então se você quer ver minhas ideias de trading para curto, médio e longo prazo, acessa lá o To The Moon. Assim vocês já dão uma espiada nas criptomoedas que estou apostando, ICOs e minha própria carteira de investimentos.

Então, voltando ao meu exemplo: você viu lá uma tendência de alta em uma determinada moeda. De R$ 25, ela foi para R$ 35. Saiba que sempre que um ativo sobe, ele vai passar por correções, ou seja, abaixar um pouco mais antes de subir de novo. O mesmo acontece para queda: caiu demais, vai passar pelo período de correção e ai cair de vez ou subir. Essa correção acontece nos níveis que comentamos acima. Então quando a moeda atingiu os R$ 35, ela tende a cair 38,2% (primeiro índice de Fibonacci). Depois, ela cai lá pro 50%. Então o preço começa a corrigir, subindo um pouco mais e o nível de suporte vai lá para o inverso da razão de ouro de Fibonacci: 61,8%. Este jogo ajuda muito para:

  • Ter pontos de suporte e resistência;

  • Ótimas oportunidades para comprar a cripto e lucrar o máximo possível com a subida de preço;

  • Possíveis pontos de reversão;

  • Níveis de stop loss, que é quando dizemos “olha, tô vendo o gráfico aqui e o negócio vai bombar. Então vai subir e depois descer pra tal nível e se manter, vai decolar! MAS... se cair até o preço X, que é o stoploss, vende tudo porque não sobe mais!”. Sim, isso pode acontecer! ;P

Sim, pessoal, é difícil e exige muito estudo. Não é só olhar e pronto. Tem que estudar, tem que saber o que cada vela significa no gráfico, verificar o histórico e estudar muitooo! É a melhor forma de garantir seus lucros e não perder dinheiro. E falo mais: o trade de criptomoedas é uma ótima maneira de enriquecer e fazer o dinheiro trabalhar para você, então vale muito a pena aprender este tipo de coisa. Enquanto você ainda não virou um especialista, siga lá no To The Moon (gratuito por tempo indeterminado) as minhas próprias recomendações de trade e investimentos, pois é o que eu faço com a minha própria grana.

E se ficou alguma dúvida, terei o maior prazer em conversar com você lá no grupo do Telegram, onde estamos sempre fazendo e respondendo perguntas, postando notícias e dando opinião sobre tudo o que seja relacionado a criptomoeda. Junte-se a nós clicando aqui ou na imagem abaixo! ;)

#análisetécnica

836 visualizações

Escolha a forma de pagamento mais conveniente e clique no botão.